Wednesday, March 24, 2010

O Mistério do Samurai




Pra quem não sabe, eu tenho uma lista de queridinhos. Na lista, existem pessoas de todos os tipos: compositores, atores, picaretas, empresários, políticos, travestis e diretores de cinema. Intitulei o documento: “Pessoas mais legais do mundo”. Dente os meus favoritos, está o diretor americano Jim Jarmusch.

Ontem assisti, já pela terceira vez, “Ghost Dog – the way of the Samurai”, que conta com a participação fenomenal de Forest Whitaker no papel de um assassino profissional que executa mafiosos seguindo as leis dos antigos samurais.

Ghost Dog não tem telefone ou computador. Ele se comunica por pombos correios. Ele é o assassino mais legal dentre todos os assassinos de filmes. Garanto!

Fiquei pensando: “Como eles treinam esses pombos?”

Corri para o Google e digitei as palavras: treinamento pombo correio.

Encontrei vários sites sobre o assunto. Descobri que pombos sempre retornam aos ninhos, por isso os criadores começam o treino desde cedo – para que o pombo saiba que a gaiola é o ninho. Pombos têm um incrível senso de direção e já foram relatados casos de pombos europeus que cruzaram o oceano para a América e depois retornaram as suas casas.

É fascinante pensar que um pombo idiota possa fazer isso, não é?

O que eu não consegui encontrar na internet foi: como os pombos sabem pra onde voar com a mensagem? Será que eles são tipo cães guias que conseguem memorizar um certo número de endereços? Pombos não me parecem tão inteligentes assim.

No filme, os pombos do Ghost Dog são fabulosos: saem pelos céus de Nova Iorque mandando mensagem pra tudo quanto é mafioso. Será que isso é possível no mundo real?

Não agüentei de curiosidade e postei minhas dúvidas na internet. Vocês internautas responderam. Então vamos às respostas:

PRIMEIRA MELHOR RESPOSTA:

“É uma aula cansativa, demorada e gastronômica, já que os pombos ficam estressados e comem em demasia.
Primeiro você tem que ensinar o alfabeto para eles, nas línguas que as cartas forem surgindo. Coloque um quadro de giz em frente às gaiolas dos infelizes - não grite com eles feito os abestados das escolas públicas fazem com a alunada babaca. Tenha calma, paciência e resignação - se você quiser um resultado satisfatório, porque se não for desse jeito os pombos podem transformar-se em Kamikazes, suicidas, pombos-bombas, uma dessas desgraceiras qualquer.
Ensine a eles braile, esperanto, código de César e o Código Da Vince - para eles poderem entrar em qualquer lugar sem que sejam perseguidos pala Coza Nostra, pela Máfia chinesa ou pelos membros da Opus Dei. Mas se você for pro Auto Xingú, tem que ensinar pros bichinhos a língua dos aruaques, a dos Aruaus, a dos Aruaxis, e por último, como é que se dança a Xingombela.
Mas afinal de contas que tipo de pombo você vai treinar, haja vista termos essa expressão pombo, com os seguintes significados: POMBO [Do lat. palumbu.] S. m. Zool. O macho da pomba. POMBO, Bras. ES RJ Charuto usado nas cerimônias das macumbas. POMBO, Bras. CE Pop. Invólucro de fezes lançado à rua. [Sin., nesta acepç., em AL e MG: pombo-sem-asa.] e, POMBO, Adj. Bras. Diz-se do cavalo branco (talvez seja o de Napoleão, mas isto é uma outra história!).
Então, decida e fé em deus e pé na tábua.”

SEGUNDA MELHOR RESPOSTA:

“Acho que se ele ingressasse nos correios já bastaria. Porém duvido muito que ele seja aprovado em concurso.”

TERCEIRA MELHOR RESPOSTA:
“Num precisa , basta dar o endereço que ela vai certinho”

E vocês, têm alguma ideia de como ensinar aos pombos os endereços certos?

Nesse meio tempo, vou trocando o nome da minha lista para “Seres mais legais do mundo”, assim posso incluir os pombos correios nela – porque não existe nada mais emocionante que receber sua sentença de morte por um pombinho fofo, vinda de um Samurai que é, na verdade, o Forest Whitaker. Imaginem tirar o papel da pata do pombo e ler: “Agora você se fodeu, bicho. E eu nem tô falando sobre cagar em você!”

4 comments:

alexandre said...

Uma vez com a carta na pata, é óbvio que eles saem da Matrix e retornam próximos ao destino. Se não houver pombos perto do destino (o que é improvável), qualquer passarinho vira pombo na hora.

"Google" é onomatopéia de arrulho, por sinal.

schulai said...

ahauhauhauha! Não acredito que teve um infeliz que achou que tinha que ensinar o alfabeto! hauhauhaua!

Achei mais algumas explicações para os seus estudos:

Os pombos têm um “instinto natural” parecido com o de aves migratórias;
- A visão privilegiada permite que localizem pontos de referência com facilidade;
- Eles se orientam pela posição do Sol;
- Eles possuem uma “bússola natural”, formada por partículas de magnetita no bico. O mineral apontaria o norte da Terra. Os pombos-correio são usados há muito tempo, inclusive na Primeira Guerra Mundial. Sem comunicação por rádio, eles levavam recados entre os batalhões. :->

Miss Sbaile said...

Não, Schulai, ele estava sendo sarcástico (espero).

tecituras said...

Quando eu tinha carro adorava passar por cima deles...eles não são rápidos qdo têm que se safar... ops... agora eu mudei, ando de bike, reciclo o lixo e ainda não consegui pegar nenhum pombo de bike. Sou perversa com os pombos, eles me dão aflição, coceira, transmitem doenças...e nunca vou dar milhos aos pombos... mas posso mudar, né? Eu já mudei com relação aos gatos!
Aqui no BR alguns presídios foram alvos dos benditos pombinhos... os presos utilizavam os serviços deles... mas o politicamente corretos denunciaram os maus tratos,ou melhor,os excessos de peso - eles transportavam celulares, armas...
Gi

Post a Comment